quarta-feira, 20 de maio de 2015

CONHEÇA 6 OPÇÕES DE TRATAMENTO PARA A SÍNDROME DE OVÁRIOS POLICÍSTICOS

A Síndrome de Ovários Policísticos é um problema de saúde que pode afetar a mulher de várias maneiras:
Ovário-Policístico-cópia
  • Causar infertilidade,
  • Levar a irregularidades menstruais
  • Ocasionar alterações hormonais
  • Levar ao aumento na espessura e crescimento dos pelos
  • Promover aparecimento e piora da acne
  • Predispor ao Diabetes tipo 2
  • Predispor à obesidade
O tipo de tratamento vai depender: 
Se a mulher deseja ou não engravidar
Dos sintomas apresentados
Da diminuição dos riscos associados (diabetes, hipertensão, doenças cardíacas)
Quando a mulher deseja engravidar o tratamento se faz com:
  • Clomifeno, associado ou não à metformina (anti-diabético), ou, mais raramente:
  • Gonadotrofinas
Se a mulher não deseja, no momento, engravidar.
  • Pílula anticoncepcional: é quase insubstituível, por que reduz os níveis de hormônios masculinos, ajuda a melhorar a acne e o excesso de pelos, além de regularizar os ciclos menstruais.
Outras possibilidades são: 
  • Metformina, que melhora o metabolismo dos açucares, abaixa a testosterona e o crescimento dos cabelos. Pode ajudar no retorno à ovulação, melhorar o colesterol e diminuir a gordura corpórea. Geralmente é usado em associação com outros medicamentos ou pílula anticoncepcional.
  • Anti-androgênicos, tais como a espironolactona, podem diminuir o crescimento de pelos e os hormônios masculinos.
  • Progesterona: pode regularizar o ciclo menstrual, mas não melhora a acne e crescimento de pelos.
Em todos os casos deve-se promover atividades físicas, dieta saudável e hipocalórica, além de se evitar o tabagismo.