segunda-feira, 24 de junho de 2013

Você sabia que a vacina HPV é recomendada preferencialmente para adolescentes entre 11 a 12 anos? Por quê?

clip_image002Primeiramente por que as adolescentes nesta idade geralmente não tiveram contato sexual com outra pessoa e dá tempo para as três doses da vacina – que são ministradas num prazo de seis meses -- fazerem efeito antes que isto aconteça. Portanto, é preciso entender que as vacinas existentes só darão proteção se a pessoa ainda não tiver tido contato com o HPV. Além disso, a vacina produz mais anticorpos que combatem a infecção quando administradas nesta faixa etária em comparação com idades mais avançadas.

domingo, 9 de junho de 2013

Fazendo o melhor da sua visita ao médico:

Uma forma de facilitar e tornar mais produtiva sua consulta médica é se preparar e participar ativamente de suas visitas ao médico. Aqui seguem algumas dicas que você deve seguir para usufruir da melhor forma de sua consulta médica.

Marcando a Consulta:

Quando você marca sua consulta, saiba o porquê da sua necessidade de ir ao médico:

· Você precisa apenas de uma consulta de rotina?

· Sua visita é a respeito de um problema recente? Não se esqueça de explicar sobre quando começou o problema e sua evolução ao longo dos dias.

· Para uma consulta ginecológica, certifique-se que não estará menstruada na data da consulta, evite relações 2-3 dias antes e neste período não use medicamentos vaginais em hipótese alguma.

Se você está indo pela primeira vez ao consultório verifique seu endereço e os melhores trajetos e transporte público. Uma boa ideia é usar o Google Maps. Prepare-se para chegar alguns minutos antes do horário marcado.

Caso não possa comparecer à consulta não se esqueça de cancelar com 24h de antecedência.

Antes da sua Consulta:

É uma boa ideia se preparar para a consulta médica. Fazendo algumas coisas antecipadamente ajudam a garantir uma consulta mais rápida e eficaz.

Registre suas perguntas:

Faça uma lista de qualquer dúvida ou preocupações que você tiver. Identifique o seu problema principal. Priorize esse problema e comente a respeito dele logo no início da consulta. Depois liste outros problemas ou dúvidas que você queira discutir.

Problema principal:_______________________________________________________

Outros problemas:___________________________________________________________________________________________________________________________________

Anote seus sintomas e sinais:

Pense a respeito dos seus sintomas e sinais. Seja capaz de descrevê-los – como eles se manifestam, quando eles surgiram, o que os amenizam ou agravam. Essa informação ajuda seu médico a entender seu problema com maior facilidade:

· Sinais são coisas que você pode mostrar ao seu médico, tais como caroços, inchaços ou vermelhidão.

· Sintomas são coisas fora do comum que você sente. Você deve descrevê-los ao seu médico. Exemplos de sintomas são: coceira, dor, corrimento, tontura, entre outros.

Sinais e sintomas:_____________________________________________________________________________________________________________________________________

Liste seus medicamentos:

Mantenha uma lista dos remédios que você usa. Inclua remédios tarjados ou não, analgésicos, suplementos vitamínicos e remédios fitoterápicos. Liste o porquê do uso de cada uma das drogas e a quantidade e frequência do seu uso

Medicamentos:_________________________________________________________________________________________________________________________________

Tenha o seu histórico de saúde completo:

Você será perguntado sobre seu histórico médico em sua consulta. Seu médico pode pedir a você para preencher um questionário. Ao invés de fazê-lo preencher um formulário, o médico ou alguém da sua equipe pode pedir que responda algumas perguntas e detalhes pessoalmente.

Você pode querer preparar um histórico médico escrito – um registro geral de sua saúde – para futuras consultas médicas. Esse histórico possui informações a respeito de

· Doenças e machucados

· Hospitalizações

· Procedimentos cirúrgicos

· Remédios (que você faz ou fazia uso)

· Alergias, incluindo reações a medicamentos e alimentos

· Informações pessoais:

§ Prática de exercícios e dieta (incluindo uso de álcool)

§ Fatores como stress no trabalho ou eventos como casamento ou mudanças que podem ter um grande efeito em sua vida

§ Hábitos de risco como uso de drogas

· Imunizações

· Histórico familiar de doenças (incluindo tios, tias, primos, avos, pais, irmãos e filhos) principalmente sobre Diabetes, Hipertensão, Câncer de mama e do intestino, complicações da gravidez e parto.

· Lembre-se: o ginecologista SEMPRE perguntará sobre a data da última menstruação.

Traga seus registros médicos de outras consultas

Se você está visitando o médico pela primeira vez, leve consigo seu histórico, laudos de exames de imagem e resultados de exames feitos nos últimos meses. Poderá ser perguntada dos nomes dos seus atuais e antigos médicos e clínicas.

Pense a respeito de levar um acompanhante

Caso necessário leve à consulta uma amiga ou parente, que conheça sobre você, seus problemas e interesses. Essa pessoa pode te ajudar a se lembrar de algo durante a consulta. Certifique-se de levar alguém a quem você pode confiar suas informações médicas.

Durante sua consulta

Sinta-se livre para levantar suas dúvidas e preocupações.

Os exames físicos

Seu médico deve examiná-lo da forma mais confortável possível. Avise-o se algo o incomodar ou preocupar. Esclareça as restrições de razão cultural ou religiosa que você possa vir a ter com algum tipo de exame.

Se você for solicitado a tirar suas roupas para o exame sempre será fornecido uma camisola para sentir-se mais à vontade. O exame ginecológico pode não ser muito agradável, mas é geralmente rápido e indolor.

Os médicos sempre lavam as mãos, usam luvas e materiais descartáveis novos ou previamente esterilizados. Caso tenha dúvidas, não hesite em perguntar sobre elas, afinal higiene é o item que mais merece cuidado de seu medico durante o exame.

Conversando com seu médico

Se você tem alguma dúvida, pergunte a respeito delas. Use suas anotações se preciso. Se você for perguntado a respeito de algo, responda da melhor forma possível e em seu próprio benefício, não esconda detalhes sobre sua vida pessoal ou da doença que a aflige.

Certifique-se de que compreendeu tudo que seu médico disse a você, principalmente o diagnóstico e o tratamento. Caso algo não tenha ficado claro, peça para que ele repita a explicação ou explique de outra forma.

BOA CONSULTA